Há exatamente 1 ano atrás,  desembarquei no aeroporto de Sydney para viver a melhor experiência da minha vida.

 

Definitivamente não há crescimento sem mudança e o que muitas vezes impede o ser humano de mudar é o medo ou a insegurança do desconhecido.

Depois de 1 ano morando na Australia,  com certeza você adquire uma bagagem de experiências e aprendizado, e é justamente isso que eu vou tentar compartilhar com vocês.

1- Vontade Louca de Chegar Logo

Toda experiência começa pelo vôo que por sinal é bem longo. As pessoas dormem, acordam, assistem filmes, dormem novamente. Daqui a pouco todos da fileira já viraram melhores amigos mas ainda faltam umas 10 horas para chegar. Mas você chega, e quando chega você não acredita que chegou, é muito louco.

Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto

O Fuso horário entre Brasil e Austrália acaba nos deixando um pouco atordoados nos primeiros dias, mas como tudo na vida é adaptação, em 5 dias você se sente pronto para começar à desfrutar de uma grande jornada que está por vir.

2- O Choque Cultural

Você acorda e pensa: Estou na Austrália, Yuuuurrruuuul! E isso para mim foi uma mistura de alegria com tristeza.

Tudo é diferente, as ruas, as pessoas, os carros. Todo mundo conversando em Inglês e muitas vezes você não entende absolutamente nada, isso vai depender muito do seu nível de Inglês.

Com cada pessoa é diferente, mas de qualquer jeito esse choque cultural é bem difícil no começo e muitas vezes você pensa em desistir, largar tudo e voltar. Eu tive esse choque no começo. Há aqueles que se sentem super confortáveis no começo, pois ficam alucinadas com o novo mas chega uma hora que o momento down bate, não tem jeito. Meus primeiros dois meses foram muito difíceis.

Mas, nada como um dia após o outro e uma noite no meio. Os dias vão se passando, tudo começa a ficar mais familiar. Você não se perde mais na ruas,  você consegue se localizar melhor no mercado e também saborear a comida. Tudo começa a fazer mais sentido e você para um pouco de pensar no Brasil, na família, começa a focar nos estudos e recomeçar a sua vida aqui.

3- Recomeçando do Zero

Aqui você e imigrante. Apesar de ser um país que esta esperando você de braços abertos, você é de fora. No Brasil você era Gerente executiva. Aqui? Você é Garçonete, Faxineira.

Mas por que isso acontece?

Justamente porque se você veio para a Austrália como estudante, você provavelmente apresenta: dificuldade com a Língua Inglesa, tempo de visto determinado, tipo de visto limitado para trabalho e além disso indisponibilidade de horário porque você tem que estudar. Ou seja, o que sobra são esses tipos de trabalho como: restaurantes, bares, hotéis, cafés e limpeza.

Depois de 2 meses morando na Austrália, comecei a trabalhar em uma Pizzaria como Garçonete e depois fui trabalhar como Cleaner em um condomínio de alto padrão.

A sensação que nós sentimos é de que eu está voltando para trás, mas já adianto, não pense assim! Recomeçar aqui basicamente é, ter paciência e entender que tudo tem o seu tempo para acontecer, e que no final sempre vai dar tudo certo.

Além disso, essa experiência me fez crescer muito pessoalmente, pois passar pela situação de faxineiro e garçon é viver na pele o que eles vivem, e ainda no Brasil pior, porque muitas vezes eles são discriminados. Vocês não tem ideia do respeito que eu tenho hoje em dia por todos eles.

4- A Língua Inglesa

O meu nível de Inglês quando eu cheguei aqui na Austrália era básico, no máximo era Hi, how are you? Depois disso eu já não entendia nada o que a pessoa falava. Nas primeiras semanas foi diferente ouvir o Inglês a todo momento, mas com o tempo parece que você se acostuma com aquele som.

Depois de uns 4 meses estudando e trabalhando eu comecei a conversar em Inglês. Sem perceber as palavras começam a sair. A dificuldade ainda existia mas era mais suave. Comecei a perceber também o sotaque Australiano, a forma que eles falam, as gírias. A verdade é que você aprende Inglês falando, treinando.

5- Saudades da Família

A vida de estudante tem desafios sim. Além de estudar durante o dia e trabalhar à noite e aos finais de semana, você precisa cozinhar, lavar roupa, ir no mercado, cuidar da casa. Depois de 4 ou 5 meses nessa rotina, a saudade de casa e da família bate, e bate bem forte. Saudade de casa, da cama, da comida, da roupa lavada, do cachorro, da mãe, do pai, da avó, dos melhores amigos.

Como eu disse lá no começo, você pensa em desistir, largar tudo e voltar. Mas, tudo o que vem, vai.. depois de uns dias você se reintegra novamente e continua aqui porque afinal, você não vai desistir agora, vai?

6- Graduação na Escola

Eu fiz várias amizades na escola e algumas carregarei na memória e na saudade a vida inteira. Essa mistura de estudantes do mundo inteiro para mim foi uma das melhores experiências que eu vivenciei por aqui. Eu pude conhecer um pouco da cultura de cada pessoa, personalidades, manias. Foi indescritível.

A vida agora precisa seguir. Muitos renovam o curso, outros voltam para o Brasil, e muitos continuam aqui seguindo a jornada.

7- Procurando Trabalho na Minha Área de Atuação

Todo Brasileiro que mora aqui na Austrália tem o desejo de algum dia poder trabalhar na sua área. Depois que eu sai da escola, ainda trabalhando como Cleaner, eu comecei a procurar um trabalho de acordo com as minhas experiências obtidas no Brasil e obtive sucesso.

Você atrai o que você transmite. Se você realmente quer algo, você vai conseguir.
Persistência com certeza é a palavra chave caso você queira trabalhar aqui!

Conheci vários Brasileiros trabalhando aqui em Gold Coast como Fisioterapeutas, Dentistas, Gerentes de TI, Administradores Financeiros, ou seja, eles também conseguiram.

8- Apreciando a Austrália

Eu aprecio tudo aqui. O céu, as estrelas, o mar. Aprecio a organização de tudo, das ruas, do trânsito, do transporte público. A limpeza das ruas, dos parques, da praia.

A Austrália é um país muito mais justo, onde você quase não vê desigualdade social.

Sem contar a segurança. Andar com o laptop, conversar no celular sem preocupação nenhuma de ser assaltado, sacar dinheiro no banco e sair andando contando as notas é muito normal por aqui e além disso as pessoas aqui no geral são muito mais educadas. Claro, como todos os países também tem seus problemas, mas em geral é com certeza um dos melhores países para se viver.

9- Começando a Ter Uma Rotina Mais Normal

Depois que você começa a trabalhar o dia todo como no Brasil, as coisas parecem que se vão encaixando ainda mais. Hoje posso dizer que levo uma vida normal, sem aquele loucura de estudar + trabalhar + tarefas do dia-dia.

A escola acabou, muito amigos foram embora. Você se sente sozinho muitas vezes mas ao mesmo tempo você se acostuma a ter poucas pessoas ao seu redor.

A saudade da família com certeza permanece. Com certeza já me estabilizei muito emocionalmente até porque converso com meus pais com frequência. A saudade dos amigos também permanece e o que ficou é a lembrança dos momentos que tivemos juntos.

10- Natal e Ano Novo na Austrália

Aqui na Austrália tem muito Brasileiro, muito mesmo. No entanto que na rua, na praia, no trem você sempre ouve alguém conversando em Português. Conhecemos vários Brasileiros aqui e no final do ano nós nos reunimos no Natal e no Revéillon.

Na semana do Natal você pensa bastante na família. Todo mundo se reunindo e você aqui do outro lado do Planeta. Mas tudo passa tão rápido que quando você pisca, já é final de Janeiro.

11- Os Planos Para o Futuro

Todo Brasileiro que chega aqui, chega com a sede de ficar e de se estabelecer.

O que infelizmente acontece é que a realidade acaba sendo outra para muitos e da mesma forma que você vê muito Brasileiro chegando aqui, você também vê muitos voltando embora por vários motivos, entre eles:

  • O fato de ser um profissional no Brasil, graduado, tendo um salário razoável e aqui na Austrália se sujeitar a trabalhar como Garçonete/Cleaner, entre outros
  • Ter que morar em casa /apartamento compartilhado por pessoas que você nunca viu, com culturas e costumes totalmente diferentes, porque afinal o aluguel aqui é bem caro para você morar sozinho
  • Saudade da família e amigos
  • Outros desafios

Ou seja, muito Brasileiros vivem fazendo essas comparações.  “..No Brasil eu morava com meus pais, tinha um salário razoável, tinha uma vida tranquila, e aqui vou ficar trabalhando de Cleaner e morando com vários estudantes em um apartamento até quando?..”

É nesse momento que muitos desistem e voltam para o Brasil frustrados. Achou que seria fácil né meu camarada? Achou que a vida aqui seria igual as fotos dos Intagram? Já adianto que não. A vida aqui é boa sim, mas também teu seus lados escuros que só quem está aqui sabe o que eu estou falando. Têm que ter pé no chão, tem que crescer, e não pode desistir.

Eu tento enxergar tudo isso com uma experiência e aprendizado, não frustração.

Me perguntam se eu penso em voltar para o Brasil ou se eu vou morar aqui para sempre.
Eu simplesmente não sei, vou deixar a vida me levar e com certeza se algum dia eu voltar, vou levar toda essa experiência maravilhoso dentro de mim!

Acompanhe as nossas atualizações pelo Facebook:
https://www.facebook.com/rotadocanguru

Veja também nossas dicas pelo canal do Youtube:
https://www.youtube.com/RotadoCanguru

Contate-nos a sua experiência vivendo na Austrália. Mande o seu depoimento para contato@rotadocanguru.com.br