Trabalhar na Austrália é um dos sonhos de muitos Brasileiros que estão no país. Porém existem algumas diferenças entre as culturas dos dois países que podem geram algumas dificuldades. Neste Post iremos abordar os principais desafios encontrados em um ambiente de trabalho na Austrália.

Os Desafios Em Um Ambiente de Trabalho na Austrália

Sabemos que a demanda de estudantes do mundo inteiro vindo para a Austrália é bem grande, pois além de ser um país onde a língua predominante é o Inglês, o Governo Australiano dá aquela ajudinha para os estudantes permitindo o trabalho de até 40 horas quinzenais.

É muito comum vermos Brasileiros trabalhando na Austrália, independente da sua área de atuação. Trabalhar na Austrália é uma experiência sensacional porque você acaba conhecendo um pouco mais da cultura Australiana. Entretanto, há alguns desafios principalmente por conta da diferença cultural que está escondido “atrás das cortinas” e é sobre esses desafios que vamos conversar neste post.

A Língua no Ambiente de Trabalho na Austrália

Este com certeza é um dos grandes desafios para a muitos de nós Brasileiros. Entender e ser entendido dentro do ambiente de trabalho na Austrália.

Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto

Primeiramente leva-se um tempo para começar a entender o que as pessoas estão falando e também para começar se expressar bem. Por mais que você já entenda o Inglês e saiba se comunicar, o desafio de se expressar e ser claro às vezes vem à tona.

Desafios com o ingles no trabalho na austrália

É muito comum que as pessoas não entendam o que você quer dizer, e isso inclui o seu gerente, os seus colegas de trabalhos, fornecedores e clientes. Isso acontece não porque o nosso inglês é ruim, mas porque muitas vezes é difícil explicar certo fato ou idéia 100% do jeito que gostaríamos.

Além disso, entra o nosso sotaque na jogada que dificulta um pouco na hora de pronunciar algumas palavras. Uma boa pronúncia faz toda diferença no ambiente de trabalho na Austrália.

Trabalhar dentro de um escritório no setor Financeiro por exemplo necessita de esforço para entender certos termos predominantes deste setor, pois muitas vezes estes termos são bem diferentes dos usados no Brasil.

No geral, às vezes dá saudade de falar um bom português no escritório, de entender 100% das brincadeiras que os Australianos fazem, de compreender gírias ou comentários que fazem parte do dia a dia. Mas isso com o tempo vai passando. 🙂

Cultura do Time is Money

A cultura do Times is Money ou Tempo é dinheiro, é bastante praticada aqui na Austrália. Claro que no Brasil as empresas também pensam nessa questão. Entretanto, na nossa opinião, essa cultura é mais forte na terra dos cangurus.

No Brasil o salário dos empregados são pagos mensalmente e existem poucos casos de pessoas que trabalham meio período ou de forma esporádica. Já na Austrália isso é diferente.

Na Austrália muita gente trabalha período integral, mas muitos também trabalham meio período e esporadicamente. Isso significa que a maioria das pessoas ganham por hora e não por mês.

Sendo assim, a sua hora aqui tem que ser trabalhada! Nada de cafezinho, break ou um bate papo, afinal time is money. Pode sim haver empresas mais liberais nesse aspecto, mas no geral as empresas Australianas têm essa essência cultural.

Inclusive já discutimos com diversos amigos Brasileiros sobre esse tema e a maioria compartilha desta opinião, independente do ramo de atuação e região do país. Por isso que muitos se sentem robotizados trabalhando na Austrália.

tempo é dinheiro na austrália

Só como exemplo, se uma pessoa trabalha em um restaurante e em certo momento o movimento está meio parado, sem cliente, é necessário que se arrume algo para fazer o quanto antes. Do contrário, o gerente pode solicitar que o empregado termine o expediente imediatamente, mesmo fora do planejado, já que o movimento do restaurante está baixo.

Pouca Afetividade

A pouca afetividade no ambiente de trabalho na Austrália com certeza é um dos maiores desafios para nós Brasileiros.

Como citado acima, a cultura do tempo é dinheiro é bastante forte por aqui. Isso implica na afetividade das pessoas, pois ninguém tem tempo de se relacionar ou conversar no trabalho. As pessoas tomam sim o seu cafezinho da manhã, mas cada um em sua mesa, de frente para o computador.

Outro exemplo é o horário de almoço. Muitas pessoas almoçam de frente para o computador e trabalhando para que tenham essas horas diminuída do expediente e assim poderem sair mais cedo do escritório. Ou seja, nada de conversar ou se encontrar no almoço.

A gente conhece bem a nossa cultura e vamos ser claros vai? A maioria de nós adoramos conversar, tomar aquele café com os colegas de trabalho, contar como foi o final de semana e etc. Muitas vezes fazemos amigos no trabalho no Brasil que acabam sendo para a vida toda.

Essa afetividade na Austrália é rara de se ver. É até engraçado, mas aqui se deseja Feliz Aniversário, Feliz Natal ou Feliz Ano Novo da mesma forma que se deseja um Bom dia ou Boa tarde. Sem um abraço, sem uma palavra positiva ou aquele bom falatório.

Essa pouca afetividade é natural por aqui. É a maneira que eles se relacionam entre si, que é simplesmente assim, diferente da nossa cultura.

Sem muitas Explicações, Por favor!

O fato de errarmos e tentarmos nos justificar pelo erro para tentar deixar claro que a culpa não foi nossa, muitas vezes não funciona bem na Austrália. Os Australianos não querem saber motivos e razões, querem soluções.

Na Austrália as coisas são preto no branco, ou seja, sem desculpas, sem muitas explicações. O melhor jeito de lidar com isso é acabar agindo assim também. Se você errou, peça desculpas e arrume, simples assim! E segue a vida no ambiente de trabalho na Austrália.

afetividade no ambiente de trabalho na austrália

Nós Brasileiros temos a tendência de querer se explicar demais. É aquela velha história do “Ah, mas eu só fiz isso porque aconteceu aquilo” ou seja, “a culpa não foi minha”. Isso acaba frustrando e as vezes deixando os Australianos meio nervosos.

Além disso, a impaciência dos Australianos é um pouquinho maior que a dos Brasileiros. O gerente jamais vai reclamar de explicar mil coisas, porém vai se aborrecer ao repetir algo que já foi conversado.

Considerações Finais dos Desafios Em Um Ambiente de Trabalho na Austrália

Para finalizar, trabalhar na Austrália é uma grande experiência profissional e pessoal. Há muitos pontos positivos também e são nesses que precisamos nos apegar. Afinal, esta jornada é cheia de experiências e aprendizados.

Depois de um tempo, a gente deixa as manias e hábitos do Brasil e se enquadrar na cultura da Austrália. Isso torna o nosso dia-a-dia melhor e mais fácil.O fato é que nada é perfeito, não é mesmo? Há desafios em tudo na vida e esse desafio do ambiente de trabalho na Austrália certamente é ótimo para o nosso próprio crescimento pessoal.

Acompanhe as nossas atualizações pelo Facebook:
https://www.facebook.com/rotadocanguru

Veja também nossas dicas pelo canal do Youtube:
https://www.youtube.com/RotadoCanguru

Contate-nos se precisar de maiores detalhes, sugestões ou até mesmo outras dicas sobre este post ou sobre a Austrália. Deixe seu comentário abaixo que ficaremos felizes em ajudar.