O visto é um dos documentos fundamentais para quem vai para o exterior, pois é por meio dele que você terá uma autorização legal do departamento de imigração para entrar e permanecer no país. Entretanto, inúmeros fatores podem fazer com que você tenha seu visto negado para Austrália.

O processo de aplicação a qualquer tipo de visto costuma ser algo burocrático e cheio de detalhes que não devem passar em branco. Entretanto, algumas coisas podem ficar para trás e, por isso, você pode ter seu visto australiano negado.

Para se preparar bem na hora de correr atrás da aplicação do visto australiano, é necessário prestar atenção em todas as etapas do processo. Mas, caso você tenha seu visto negado, o que fazer? É isso que nós vamos te contar nesse post! 

Por que tive meu visto australiano negado?

O governo australiano é extremamente meticuloso e detalhista com os processos de imigração. Isso pode ser comprovado claramente apenas ao olhar o grande número de tipos de vistos que a Austrália oferece. São pelo menos 120 tipos diferentes de vistos, divididos em sete categorias diferentes, como os vistos de turista, vistos de estudante e vistos de trabalho.

Veja também: Vistos da Austrália: o novo visto 491

Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto
Promoção Rota do Canguru 30% de desconto

O processo de solicitação dos vistos da Austrália costuma exigir uma grande quantidade de documentos, carta de motivação, exames médicos e outras informações. O governo australiano faz isso para garantir que você seja um candidato considerado “ideal” para viver na terra dos cangurus. Por isso, se você não se encaixar nos diversos requisitos da imigração australiana, seu visto pode ser negado. 

Quando você tem um visto negado da Austrália, o próprio departamento de imigração lhe informa em uma carta quais são todos os motivos pelos quais o seu visto foi recusado. Muitas vezes, são informações importantes, enquanto outras, são são detalhes que passam despercebidos. Esses detalhes são ainda mais comuns por quem faz a solicitação do visto por conta própria. 

Veja, abaixo, alguns motivos para que você tenha seu visto negado para Austrália.

Inconsistências ou informações erradas

Se você está fazendo seu processo de aplicação ao visto australiano sozinho, irá se deparar com uma série de longos e detalhados formulários em inglês que precisarão ser preenchidos. É importante preencher todos os campos com informações verdadeiras e corretas, que respondam aos questionamentos da pergunta.

Qualquer tipo de informação errada, alguma inconsistência que possa surgir durante o processo ou, até mesmo, uma resposta que cause dúvidas ou dupla interpretação podem ser motivos para fazer com que você tenha seu visto negado para Austrália.

Por isso, na hora de preencher as informações, é importante ser sincero com todas as respostas. Demonstre suas verdadeiras intenções na carta de apresentação e siga exatamente tudo aquilo que você descreveu na carta na hora do preenchimento dos formulários.

Não deixe espaço para que nenhuma – absolutamente nenhuma – informação gere dubiedade ou inconsistência. Esse é um erro muito simples, mas que pode causar um grande transtorno.

GTE com informações insuficientes ou erradas

O GTE é um documento chave na hora de ter seu visto australiano aprovado. É, também, por meio dele que você vai demonstrar ao governo australiano que você está migrando para a Austrália de maneira genuína, especialmente nos casos de visto de estudante.

Veja também: GTE Austrália: tudo o que você precisa saber

Nesses casos, você deverá convencer o governo que está indo realmente estudar na Austrália. O Departamento de Imigração da Austrália entende que o candidato ao visto de estudante deve ter motivos suficientes e significativos para voltar ao seu país de origem e não permanecer na Austrália. Ou seja, o governo australiano quer saber se você não está usando um curso de inglês, por exemplo, como maneira de conseguir um visto de residência permanente no futuro. 

Por isso, alguns casos de visto negado para Austrália podem constar motivos que tenham a ver com a sua situação atual no seu país de origem, ou seja, seus vínculos no Brasil. Fatores como emprego atual, laços familiares, estudo prévio, situação financeira e, até mesmo, como aquele curso pode contribuir para o seu futuro são motivos que podem fazer com que você tenha seu visto australiano negado. 

Perfil não está de acordo com o visto solicitado

Devido aos inúmeros vistos que estão disponíveis para quem quer imigrar na Austrália, é comum que algumas pessoas que estão fazendo o processo por conta própria escolham se aplicar a um visto que não está de acordo com o seu perfil. 

Da mesma maneira, ao fornecer os documentos necessários para um perfil específico de visto, pode ser que você acabe desviando do foco daquele visto e criando um perfil que não condiz com as expectativas. 

Por exemplo: suponha que você esteja se candidatando a um visto de estudante. Não fará sentido que você forneça informações que leve às autoridades entenderem que você tem um perfil de quem deseja trabalhar temporariamente na terra dos cangurus. Portanto, forneça informações em que suas verdadeiras intenções estejam explícitas, de maneira que não gere dúvidas. 

Veja também: Visto de turismo da Austrália: como tirar?

Falta de documentos exigidos e erros cadastrais

Para que você não tenha seu visto negado para a Austrália, é importante que você confira todos os documentos. Verifique se não está faltando nenhum documento que seja exigido pelas autoridades australianas. Caso contrário, você terá seu visto australiano negado automaticamente. 

Também tome cuidado para que nenhuma informação seja preenchida incorretamente. Mesmo que seja um erro não intencional, se gerar inconsistências no seu cadastro, seu visto pode ser negado. 

Quais as chances de ter um visto negado para Austrália?

É inegável que o processo de aplicação do visto australiano é um pouco burocrático e detalhista. Entretanto, se você preencher todas as solicitações corretamente e de acordo com o perfil de seu visto, a chance de ter seu visto negado para a Austrália é muito baixa.

Quando acontece de ter seu visto negado para Austrália, boa parte das vezes têm duas razões chaves: o vínculo com o país e a renda suficiente – que são basicamente os critérios GTE. É preciso demonstrar e convencer os australianos que você pretende voltar para o Brasil após sua temporada na Austrália e que tem renda suficiente a ponto de não precisar migrar para sobreviver. 

Por isso é de extrema importância que você preste muita atenção nas informações relatadas às autoridades estrangeiras. Tentativas de omissão ou de informações que não condizem com a verdade podem acarretar em punições que poderão te prejudicar ao longo do processo. Não omita informações ou falsifique documentos. 

Em casos mais graves, o Departamento de Imigração bloqueia tentativas de vistos futuros por um prazo de 10 anos. Isso sem falar tentativas de fraudes nas aplicações de visto podem gerar problemas jurídicos com a Justiça Brasileira. 

Tive meu visto negado, o que fazer?

Calma! Não se preocupe! O primeiro passo a ser feito quando você tem um visto negado é entender o motivo da recusa. Como já dissemos, quando o seu visto australiano é negado, o governo envia uma carta apontando quais foram os motivos que levaram à recusa do visto.

Leia esse documento e veja quais foram os motivos que levaram à recusa do visto de turismo, estudante ou trabalho na Austrália. Para erros simples de cadastro, é possível que você faça a alteração no seu processo de visto, basta entrar em contato com o Departamento de Imigração do Governo Australiano. O mesmo vale para quando houver algum documento faltante.

Em casos mais complexos, você pode solicitar uma revisão de seu processo pelo Departamento de Imigração. Porém, é necessário entrar em contato diretamente com o órgão australiano no prazo de até 21 dias a partir do recebimento da carta. Para aquelas aplicações que foram feitas fora da Austrália, nem sempre você poderá recorrer. 

Nesses casos, você precisa recomeçar todo o seu processo de visto, pagar novamente todas as taxas e preencher todos os formulários online mais uma vez. É um incômodo e pode pesar no bolso.

Veja também: Condições do Visto de Estudante da Austrália

Mas não se preocupe. Mesmo que o seu visto seja negado, você não precisa desistir do seu sonho de fazer um intercâmbio. Às vezes reavaliar suas intenções e verificar se a Austrália é realmente o lugar ideal para o seu intercâmbio também é importante. Todo projeto de intercâmbio tem que ser a sua cara e, as vezes, por mais que um destino lhe pareça atraente, não quer dizer que vocês dão “match”! 

E é na hora de escolher o destino ideal para o seu intercâmbio que você precisa contar com uma consultoria especializada. Quando se tem a ajuda de uma agência especializada, você reduz os riscos de seu visto ser negado, além de ter a certeza de que o seu sonho de um intercâmbio na Austrália vai ser realizado! 

E já que estamos falando de intercâmbio, nós do Rota do Canguru temos parceria com as melhores agências de intercâmbio do Brasil! Entre em contato e comece a planejar seu intercâmbio hoje mesmo. Ah, se você quiser conhecer outros destinos, nossos parceiros também têm programas de intercâmbio para vários lugares do mundo!

Receba grátis orçamentos de intercâmbio na Austrália
Receba grátis orçamentos de intercâmbio na Austrália
Receba grátis orçamentos de intercâmbio na Austrália
Receba grátis orçamentos de intercâmbio na Austrália