Muitos Brasileiros interessados em vir para a Austrália nos perguntam sobre os desafios de se morar na terra dos Cangurus. Este post mostra quais as maiores dificuldades de se viver na Austrália partindo do nosso ponto de vista.

Antes de iniciar os pontos sobre esse tema, é importante mencionar que cada um dos ítens listados neste artigo são apenas opiniões e pontos de vistas pessoais. Portanto, alguns pontos pode não representar a realidade de outras pessoas. A intenção é apenas ajudar as pessoas se prepararem melhor para vir à Austrália.

1. Distância da Família e Amigos

Esta talvez seja um das maiores dificuldades de se viver na Austrália para os Brasileiros. No geral o Brasil é um país mais amoroso e afetuoso nas relações familiares, com amigos e até muitas vezes no ambiente de trabalho do que na Austrália. Os Australianos são na maioria mais frios, distantes e mostram menos os seus sentimentos.

A saudade dos familiares, dos amigos, da comida, da cultura Brasileira é mais intensa principalmente nos primeiros 6 meses de Austrália, o tempo comum para a adaptação no país. Entretanto, conforme o tempo vai passando nós Brasileiros vamos nos acostumamos mais com o país e a saudade da família vai se amenizando e se transformando em algo mais tranquilo de se lidar, embora a saudade sempre exista.

2. Dificuldades com a Língua Inglesa

Aprender qualquer dialeto é sempre um grande desafio para qualquer pessoa, e aprender o inglês é a mesma coisa. Para esse aprendizado é necessário muito esforço, dedicação e estudos. Entretanto, é comum ver Brasileiros perdendo o foco na Austrália e se frustrando nesse processo de aprender a nova língua. Tornando este uma das maiores dificuldades de se viver na Austrália.

Acontece que muitos Brasileiros acabam sentindo o peso da dedicação necessária para aprender o inglês e acabam se enfraquecendo no meio do caminho. Começam a deixar os estudos de lado e passam a andar em grupos com Brasileiros ou a contatar com muita frequência os familiares no Brasil, amenizando as suas angústias, mas por outro lado deixando de praticar o inglês na maior parte do tempo.

3. Adaptação a Cultura Australiana

A Austrália é um país desenvolvido e de primeiro mundo, o que só nisso já se torna diferente do Brasil. Entretanto, essa riqueza acaba refletindo na questão cultural do país, pois os Australianos no geral são mais frios e metódicos.

Nós Brasileiros somos mais amorosos e amigáveis, talvez até por conta dos desafios que encontramos no Brasil. Por isso esta acaba sendo uma das maiores dificuldades de se viver na Austrália.

Como exemplos da diferença cultural podemos citar 2 coisas. A comida, já que é muito comum que os Australianos se alimentem de fast food ou comidas industrializadas. A outra é a falta de paciência, pois de um modo geral eles possuem a cultura do imediatismo, onde tudo precisa ser feito muitíssimo rápido e a todo momento.

Existem outros pontos que poderiam ser mencionados, mas é difícil de explicar em palavras essa diferença entre as culturas. É muito mais fácil perceber e sentir essas nuances do que explicá-las.

4. Intensidade nas Novas Amizades

A Austrália é famosa por acolher muito bem estudantes de todo o mundo, como Japoneses, Suíços, Alemães, Árabes, Chineses, Coreanos, Colombianos, Brasileiros e etc. Portanto, para quem vem para cá, sempre há a oportunidade de conhecer pessoas novas e de todos os cantos do planeta.

Entretanto, essas amizades acabam sendo bastante intensas. As razões, em meu ponto de vista são: Pelo fato da novidade em ter amigos de outros países, pela ansiedade em estar na Austrália e principalmente pela carência afetiva sentida por estar longe da família e amigos de verdade, que faz com que ponhamos uma grande parcela de sentimento e confiança nas novas amizades.

Essa combinação pode até parecer legal e interessante, mas no geral é comum ver Brasileiros na Austrália tendo grandes decepções. Principalmente por conta dessa intensidade na amizade, deixando de ser amigo da mesma forma que começou, intensamente. Quando a amizade não acaba e segue forte, existe o outro lado, que é o sentimento de tristeza quando o novo amigo termina seus estudos de poucos meses na Austrália e precisa voltar para seu país de origem.

Parece brincadeira, mas esses são sentimentos muito comuns de se ver em Brasileiros por aqui. Muitas vezes atrapalham-os na jornada de focar nos estudos aqui na Austrália. Portanto, é importante ter isso em mente e saber controlar e gerenciar de forma positiva essas situações para que o sucesso do aprendizado seja garantido.

5. Dificuldades com Moradia

Aqui na Austrália as residências para locação são na maioria mais antigas. Esses locais geralmente são repletos de carpetes e móveis antigos que não são cuidados muito bem por serem destinados a locação de curto prazo.

Para se ter uma idéia, é possível ver carpetes instalados por décadas nessas casas e apartamentos, sendo muito anti-higiênico, fora o fato que tem vários imóveis com carpete em cozinhas e até em lavabo, dá para acreditar? Esta também é uma das maiores dificuldades de se viver na Austrália, sem dúvidas.

Outra coisa ruim com a moradia na Austrália para estudantes, é o fato de o aluguel ser caro no país. Para amenizar os gastos é extremamente comum que os estudantes aluguem dormitórios de uma casa para outras pessoas. Então as vezes em uma casa de 3 dormitórios, moram 6 pessoas, sendo que no mesmo quarto pode ser divididos por 2 pessoas que nem se conhecem.

6. A Vida de Estudante

Para quem vem estudar na Austrália sempre existe a expectativa das festas de estudantes, de conhecer pessoas novas, paquerar pessoas de outras nacionalidade e etc. Entretanto, este é um engano que muitas pessoas cometem e acabam se iludindo, perdendo o foco nos estudos para seguir na “farra”.

O problema é que tudo é muito intenso por aqui, especialmente por estarmos longe da família e dos costumes do Brasil, e por isso, muitos acabam ficando vulneráveis a vida de baladas e festas. Se apaixonam, se decepcionam, bebem demais, às vezes usam drogas, ficam solitárias e por muitas vezes entram em depressão.

7. Downgrade Profissional

Muitos dos Brasileiros que estão na Austrália deixam o Brasil com uma posição profissional confortável, com bons salários, cargos de importância e em empresas de renome. Entretanto, ao chegar à Austrália, tudo isso muda, pois existe o tempo de adaptação ao país, língua e cultura.

A grande maioria que chega aqui não possuem um inglês razoável para trabalhar nas áreas de atuações ou empresas de nome como faziam no Brasil e isso pode causar incômodos, já que para recomeçar suas jornadas profissionais do zero na Austrália, muitos acabam sendo lavadores de pratos, recepcionistas em hotéis, faxineiros, seguranças e etc.

Aliás, todas essas profissões são devidamente respeitadas e oferecem bons salários por aqui. O fato é que esse downgrade profissional deixa muita gente com vontade de desistir da Austrália. Isso porque estão acostumados com outro tipo de emprego no Brasil.

8. Os Mitos da Austrália

Outra coisa comum é a falta de informação que envolve os estudantes por não conhecer o país direito. Muitos Brasileiros vêm estudar na Austrália, mas acabam vivendo apenas entre estudantes. Assim não sabem como realmente as coisas funcionam por aqui no dia a dia para os Australianos. Daí, são criados muitos mitos e enganos que acabam sendo repetidos entre os estudantes.

Por exemplo, muitos estudantes acabam espalhando informações errôneas de que na Austrália não tem feijão. Ou que não tem panela de pressão para cozinhar grãos. Ou que Brasileiros só trabalham em restaurantes ou hotéis. Ou que é muito difícil arrumar um emprego na área profissional e etc.

Claro que essas coisas dependem muito, mas de tanto ser repetido, acabam virando grande “falsas verdades”. Isto dificulta muito para os Brasileiros aqui, pois as vezes dão muita atenção a estes tipos de afirmações que acabam deixando de correr para alcançar seus verdadeiros objetivos. Esta é realmente uma das maiores dificuldades de se viver na Austrália.

9. Dificuldade em se Estabelecer no País

Muitos Brasileiros que vem para a Austrália estudar por apenas alguns meses, acabam gostando tanto do país que tentam estender os seus estudos ou até mesmo tentam ficar na Austrália em definitivo. Por isso procuram um emprego que oferte um visto de trabalho que é também chamado de visto de sponsor.

O problema que isso traz alguns desafios. Se a pessoa tenta estender o visto de estudante, acaba enfrentando uma barra, pois os custos para um novo curso e consequentemente a extensão do visto são caros. Além disso, os estudantes na Austrália só podem trabalhar 40 horas quinzenais, o que deixa o dinheiro ainda mais curto.

Caso a pessoa tente achar um emprego na área de atuação, é necessário paciência, perseverança e muito força de vontade. Para conseguir um trabalho que oferte um visto de sponsor é necessário meses de busca intensa de um emprego. A razão é que poucas empresas estão dispostas a dar um visto de trabalho como esse.

Aliás, a pessoa interessada no sponsor precisará ser bem qualificada profissionalmente para conseguir um trabalho que poderia ser de um Australiano, do contrário as chances diminuem ainda mais, o que passa a ser outra das maiores dificuldades de se viver na Austrália.

Considerações Finais das Maiores Dificuldades de se Viver na Austrália

Poderíamos listar muitos outros itens nessa lista, como os empecilhos de ser “gringo” na Austrália, desafios em administrar os custos de vida que são bem altos por aqui, não ter benefícios de saúde, creche, escola do governo Australiano, migrar com a família e filhos para cá, ter que aprender a cozinhar e etc. Entretanto, as maiores dificuldades de se viver na Austrália para Brasileiros foram abordados neste post.

Claro que todos esses pontos são relativos e podem não representar a realidade de muita gente. Porém, de modo geral e por experiência própria, essas são as questões que mais são ventiladas por aqui. Lembrando que a intenção do post é trazer consciência dos desafios na Austrália para aumentar o sucesso no país.

Análise do Seu Perfil Para a Austrália

Nós temos o serviço de Análise do Seu Perfil Para a Austrália que foi criado para quem está com dúvidas em escolher a melhor situação para Austrália. Não apenas para escolher a cidade e escola ideais, mas para dar um direcionamento assertivo através de dicas, aconselhamentos e compartilhamento de experiências para seu sucesso no país.

Após a compra do serviço, você fará o download de um arquivo, que terá o acesso a um formulário. Preencha este formulário que responderemos em 24 horas com a análise de seu perfil. Veja nosso tutorial sobre este serviço abaixo:

Observação: Nós não fornecemos orientações sobre vistos de trabalho ou visto de permanência no país. Apenas um advogado de imigração da Austrália é legalmente apto a fazer isso. Se esse é seu caso, procure um profissional de sua confiança.

Acompanhe as nossas atualizações pelo Facebook:
https://www.facebook.com/rotadocanguru

Veja também nossas dicas pelo canal do Youtube:
https://www.youtube.com/RotadoCanguru

Contate-nos se precisar de maiores detalhes, sugestões ou até mesmo outras dicas sobre este post ou sobre a Austrália. Deixe seu comentário abaixo que ficaremos felizes em ajudar.